OFICINA “CAÇA SONHOS”

Oficina Entraçar Cana

Nesta oficina vamos aprender a criar um caça-sonhos desde a sua estrutura até à sua decoração, com diferentes materiais: madeira, linhas, pedras, fitas, arame, fios e as tradicionais penas. Vamos também ficar a conhecer melhor este objecto mágico, os elementos que o constituem e o que significam. O caça-sonhos é um símbolo protector associado à cultura indígena norte-americana que, supostamente, teria o poder de purificar as energias, separando os “sonhos negativos” dos “sonhos positivos”.

Sobre a orientadora Joana Bandeira Rocha

Todo o seu processo e percurso artístico surgiu sempre de uma forma espontânea. Define-se como autodidacta tendo adquirido todos os seus conhecimentos na prática que desenvolveu nos últimos 16 anos. Desde artesanato diverso, roupa e objectos recuperados, passando por workshops, cursos, actividades com crianças, jovens e adultos, organização de eventos e exposições. Apesar da reciclagem de peças ser a sua grande paixão, pela criatividade ilimitada que evoca, actualmente está mais ligada às artes plásticas. Todas as peças trabalhadas são peças tradicionais transpostas para a actualidade dando-lhe cor e padrões novos mas nunca alterando a sua forma.

Inscrições

Centro de Investigação e Informação do Património de Cacela

Antiga Escola Primária de Santa Rita

Tel. 281 952600 | ciipcacela@gmail.com | https://ciipcacela.wordpress.com

Sujeito a inscrição prévia

Valor – 6,5 € – pessoa (a reverter directamente para o orientador)

Anúncios

Aconteceu em 2018

Ao longo do ano o Centro de Investigação e Informação do Património de Cacela / Câmara Municipal de Vila Real de Santo António continuou a dinamizar projectos e actividades em torno da investigação, interpretação, usufruto e educação para o património e programação cultural em Cacela Velha.

Aqui fica o balanço “ilustrado”, para que possamos recordar e pensar sobre o trabalho realizado, que é também de todos aqueles que partilharam o nosso caminho e se envolveram nas nossas actividades.

DESTAQUE

Este Verão, as escavações arqueológicas regressaram a Cacela Velha, retomando trabalhos de 1998, 2001 e 2007. As escavações tiveram lugar no Sítio do Poço Antigo, na área onde se situam o antigo bairro medieval islâmico de Qastalla Darrag, a possível ligação ao porto e a necrópole cristã. A campanha, a que se dará continuidade nos próximos 3 anos, integra o projecto de investigação “Muçulmanos e Cristãos em Cacela Medieval: território e identidades em mudança”. Visa não só consolidar a informação histórico-arqueológica já adquirida, mas principalmente, obter novos dados que permitam alargar e detalhar o conhecimento sobre o território onde a povoação de Cacela se estabeleceu, bem como sobre as comunidades humanas que o habitaram ao longo da Idade Média (séc. X–XV). Assumem a responsabilidade científica pelo projecto as arqueólogas Cristina Garcia (Direcção Regional de Cultura do Algarve), Maria João Valente (Universidade do Algarve) e o antropólogo físico Hugo Cardoso (Simon Fraser University do Canadá).

Destacamos ainda a abertura ao público da exposição “PROFISSÕES ANTIGAS DE CACELA”, patente no CIIPC desde Maio. A exposição resulta de trabalho de campo, iniciado já há alguns anos, junto de profissionais na zona de Cacela. Há muito que lutávamos por condições para a devolução dos resultados à comunidade local e visitantes. A exposição, organizada em baús, regista histórias de vida, memórias, imagens e objectos de profissões: agricultor, barbeiro, mestre caleiro, cesteiro, costureira, empalhador de cadeiras, merceeira, pastor, mariscador, pescador e calafate.

1. INVESTIGAÇÃO

O CIIPC colaborou activamente na campanha de escavações arqueológicas no sítio do Poço Antigo em Cacela Velha, que decorreram entre 18 de Junho e 13 de Julho, garantindo presença de técnica a tempo inteiro no campo-escola; acompanhamento de questões logísticas; lavagem, tratamento e listagem dos materiais cerâmicos exumados; e colaboração em diversas acções com vista à divulgação do processo e resultados da campanha junto de diversos públicos (conferência, percurso interpretativo, dia-aberto, oficina educativa para crianças,…)

A equipa de escavação contou com mais 25 voluntários (distribuídos ao longo das 4 semanas): estudantes da Universidade do Algarve, Universidade do Porto, Universidade de Huelva e Escolas Secundárias de Faro e Vila Real de Santo António. Fizeram ainda parte do campo-escola uma equipa canadiana (Simon Frazer University) com 18 estudantes.

Destaque para as 4 crónicas publicadas semanalmente no Sul Informação pelas investigadoras Cristina Tété Garcia e Maria João Valente:

http://www.sulinformacao.pt/2018/06/cronicas-de-uma-escavacao-arqueologica-

quem-passa-por-cacela-1/

http://www.sulinformacao.pt/2018/06/cronicas-de-uma-escavacao-arqueologica-os-

cemiterios-de-cacela-a-velha/

http://www.sulinformacao.pt/2018/07/estudantes-canadiados-ajudam-a-desenterrar-

a-historia-de-cacela-velha/

http://www.sulinformacao.pt/2018/07/cronicas-de-uma-escavacao-arqueologica-e-

por-debaixo-dos-mortos-estiveram-antes-os-vivos/

Ao longo do ano continuou o estudo das colecções de cerâmicas islâmicas de Cacela Velha exumadas do Largo da Fortaleza e do bairro islâmico do sítio do Poço Antigo, com destaque para as que resultaram da campanha deste Verão; e o estudo dos materiais arqueológico do túmulo megalítico de Santa Rita, em colaboração com a Universidade de Huelva.

Realizaram-se, em Junho, medidas de conservação preventiva do Túmulo Megalítico de Santa Rita, que envolveram o enchimento parcial da câmara e corredor com vista a proteger as estruturas dos efeitos da erosão. Os trabalhos foram acompanhados pelo arqueólogo responsável pelos trabalhos arqueológicos no sítio, arqueológa do CIIPC e serviços gerais do Município.

2. VALORIZAÇÃO, DIVULGAÇÃO E USUFRUTO DO PATRIMÓNIO

PASSEIOS E VISITAS

“Passos Contados”, o ciclo de passeios pedestres, dinamizado pelo CIIPC/CMVRSA, voltou a mobilizar este ano, na sua 12ª edição, mais de uma centena de participantes, propiciando novas experiências de interpretação da paisagem e do património.

Realizaram-se 7 percursos, entre Abril e Outubro. Este ano começámos, em Abril, com um percurso que propôs a descoberta da Mata de Santa Rita, sua história e valor ambiental, com o engenheiro florestal Norberto Santos; em Maio fomos em busca das plantas medicinais e suas aplicações na saúde com o naturopata João Beles; em Junho ficámos a saber mais sobre a pirataria e defesa da costa, entre Cacela Velha e Vila Real de Santo António, com o historiador Fernando Pessanha; em Julho demos a conhecer os resultados da nova campanha arqueológica no Sítio do Poço Antigo com as arqueólogas Cristina Garcia, Maria João Valente e o antropólogo físico Hugo Cardoso; em Agosto passeámos por fontes, poços, noras e ouvimos contos e lendas da nossa tradição oral sobre a água com a contadora Adelaide Fonseca; em Setembro descobrimos a cal, a cor e ornamentos nas platibandas algarvias no núcleo histórico de Vila Real de Santo António com a arquitecta Marta Santos; terminámos em Outubro com um percurso sobre a azeitona, o olival e o azeite no sotavento algarvio, que terminou com uma prova de azeites, com a engenheira hortofrutícola Ana Arsénio.

Continuaram as visitas orientadas ao património de Cacela Velha e Santa Rita, especialmente dirigidas a grupos, mediante solicitação prévia. Destaque este ano para a recepção e orientação de visita a Cacela Velha e ao Túmulo Megalítico de Santa Rita com estudantes estrangeiros no âmbito do programa de acolhimento aos novos estudantes internacionais da Universidade do Algarve, no dia 8 de Setembro e para a orientação de visita a Santa Rita, CIIP Cacela e Cacela Velha, no âmbito de Fam Trip – “Redescobrir os Segredos do Algarve”, com grupo de jornalistas e blogers, a 6 de Junho, com organização do Município de VRSA e Região de Turismo do Algarve.

 EXPOSIÇÕES NO CIIPC

 Acolhimento da exposiçãoIDENTIDADE CULTURAL DA SERRA DO CALDEIRÃO”. Exposição concebida e cedida pela Associação In Loco. Enriquecida com património etnográfico recolhido na aldeia de Santa Rita. Patente de 12 de Janeiro a 14 de Fevereiro.

Acolhimento da exposição “PÃOTRIMÓNIO”. Exposição sobre o pão, promovida pela Associação Terras Dentro – Associação para o Desenvolvimento Integrado, ao abrigo do Projecto Qualificação do Pão Alentejano. Enriquecida com elementos da cultura material ligados ao pão recolhidos na aldeia de Santa Rota. Patente de 17 de Fevereiro a 25 de Março. Inauguração no dia 17 de Fevereiro pelas 16h00 com conversa à roda do pão com a presença do responsável pelos conteúdos da exposição, Fernando Moital, e de conhecedoras das artes de amassar e cozer o pão, na nossa região.

“PROFISSÕES ANTIGAS DE CACELA”. Exposição que resulta de trabalho de campo, desenvolvido pela equipa do CIIPC, junto de 10 profissionais na zona de Cacela: agricultor, barbeiro, mestre caleiro, cesteiro, costureira, empalhador de cadeiras, merceeira, pastor, mariscador, pescador e calafate. Percursos de vida, heranças antigas, saberes, gestos e matérias que se registam para conhecer, lembrar e, quem sabe, inspirar novos caminhos… Inauguração no dia 19 Maio com a presença de muitos dos profissionais envolvidos no processo de investigação e concepção da exposição.

Presépio Algarvio. Elaborado com a comunidade de Santa Rita. Visitável pelo público de 7 de Dezembro a 6 de Janeiro.

DIAS COMEMORATIVOS

O CIIP Cacela associou-se no dia 19 de Abril à comemoração do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios com “Jogo de adivinhas e provérbios entre gerações” nas escolas de Vila Nova de Cacela. Participaram 4 turmas do 1º e 2º ciclo neste jogo de pista que envolveu netos e avós no decifrar adivinhas e provérbios da nossa tradição oral. Um dia marcado pelos afectos e troca de saberes entre gerações.

Colaborámos também nas Comemorações do Dia da Criança com dinamização de actividades – criando mandalas e figuras com materiais da natureza e desperdícios – com as 5 turmas do 1º ciclo da EB1 de Vila Nova de Cacela.

CONFERÊNCIAS

 Acolhimento da Conferência “O urbanismo islâmico e sua transformação após a conquista cristã” por Pedro Jiménez  Castillo em Cacela Velha no Centro de Informação da Casa do Pároco, no dia 25 Junho.

3. EDUCAÇÃO PARA O PATRIMÓNIO

ACÇÕES CONTINUADAS

Dinamização da acção educativa “ÀS VOLTAS COM A ÀGUA. À descoberta dos patrimónios da água nas 4 cidades” no âmbito do Projecto “À Descoberta das 4 Cidades” (3 anos lectivos, de 2017 a 2020). Foram concebidos, e entregues aos professores envolvidos, diversos materiais educativos: diaporama sobre o tema para sensibilização dos alunos; livrinho “À descoberta do património hidráulico e do Património imaterial associado à água”; e ficha de levantamento de património hidráulico, de usos, crenças e tradições ligados à água e de fotografias antigas relacionadas com a água.

Livrinho patrimónios água.jpg

Terminou o Projecto educativo “Festividades cíclicas. Descobrindo as tradições festivas ao longo do ano” dinamizado com as escolas de Vila Real de Santo António nos anos lectivos 2016/17 e 2017/18. Chegaram ao fim do projecto 5 turmas do 1º e 2º ciclo distribuídas por Vila Real de Santo António, Monte Gordo e Vila Nova de Cacela. O projecto visou sensibilizar crianças e educadores para as raízes milenares das festividades cíclicas que continuamos a celebrar e dar a conhecer as antigas tradições festivas no Algarve, na sua ligação ao território e aos ciclos astral e agrícola. Este ano foram dinamizadas oficinas nas escolas assinalando datas festivas do calendário: Oficina de Maios; e Oficina de Lendas de Mouras Encantadas no S. João – Teatro Sombras.

Dinamização da acção educativa sobre o JOGO DO MOINHO, jogo de tabuleiro de grande popularidade durante o período islâmico na Península Ibérica. A acção foi desenvolvida conjuntamente com outros museus pertencentes ao grupo de Educação da Rede de Museus do Algarve (RMA-EDU). Aderiram 2 turmas do 6º e do 3º/4º anos de Vila Nova de Cacela. A acção contou com momentos de partilha de informação sobre a história deste jogo e formas de jogar, oficinas de construção do jogo (tabuleiro e peças), momentos de jogo e terminou com uma visita dos alunos a Alcoutim no dia 2 de Maio onde disputaram o jogo com alunos dessa vila e visitaram a exposição de jogos islâmicos do Castelo Velho de Alcoutim.

ACTIVIDADES EDUCATIVAS PONTUAIS

O CIIPC contribuiu para o enriquecimento da oferta educativa para as escolas do concelho com várias propostas, tendo no 1º período deste ano lectivo dinamizado:

Visita-jogo a sítio arqueológico: “Desenterrar o passado. Fazer falar pedras, ossos e cacos no túmulo megalítico de Santa Rita” com 1 turma do 4º ano da EB1 Manuel Cabanas, Vila Nova de Cacela no dia 7 de Novembro.

Percurso de interpretação da paisagem + jogo sobre o Pomar Tradicional de Sequeiro com 3 turmas do 7º ano da EB2,3 D. Fernando, Fonte Santa – Vila Nova de Cacela, nos dias 7 e 11 de Dezembro.

Dinamizámos ainda:

A actividade “Todo o pão em 10 metros de história” (associada à exposição PÃOTRIMÓNIO) com turma do 1º ano da EB1 Manuel Cabanas, Vila Nova de Cacela + visita à padaria “A Camponesa”, pelo técnico responsável pelos conteúdos da exposição no dia 18 Fevereiro.

Visita guiada à exposição “Profissões antigas de Cacela” + actividade plástica sobre platibandas com 2 turmas 7ºano (32 alunos) da EB D. João II – Alvor, Portimão no dia 24 de Outubro.

Continuámos com a dinamização regular de OFICINAS TEMÁTICAS E CRIATIVAS ao longo do ano para o público em geral e famílias:

Oficina de Reis “Bolo do Reino dos Algarves” orientada por Luísa Teixeira. Para o público em geral, no dia 6 de Janeiro

Oficina “Tecer cordão em tear circular. Com conversa à roda do ciclo da lã” orientado por artesãs da Tecelã. Para o público em geral, no dia 25 de Fevereiro

 Oficina “Massa-Madre: a Química do Pão Artesanal” orientada por Luísa Teixeira, com a colaboração de habitantes de Santa Rita. Para o público em geral, no dia 18 de Março.

Oficina de Páscoa “Gravando a natureza. Oficina de gravura com materiais vegetais” orientada por Cristina Serote e Júlia Peralta. Para crianças no dia 4 de Abril

Oficina “Vem criar um maio” orientada pelo CIIPC. Para o público em geral no dia 15 de Abril

Oficina “Empreita com palma. Como fazer uma alcofinha” orientada por Ana Maria Afonso. Para o público em geral no dia 19 Maio

OFICINA “Bolsas de retalhos das nossas avós” orientada por Maria José Torres. Para o público em geral no dia 20 de Outubro

Oficina “Azeiteiras: biscoitos de conservação” orientada por Luísa Teixeira. Para o público em geral no dia 11 de Novembro

Oficina de Natal “Cadernos almariados. Oficina criativa de encadernação experimental: do caderno às técnicas de impressão” orientada por Elias Gato. Para famílias no dia 8 de Dezembro

No Verão durante as férias, tiveram lugar no CIIPC oficinas para público infanto-juvenil:

Teatro de sombras a partir de lendas de mouras encantadas – 27 de Junho

Arqueologia – 4 de Julho

Cria o teu amuleto – 11 de Julho

“Objecto-mistério” a partir de profissões antigas – 18 de Julho

Ainda durante as férias lectivas de Páscoa e Verão, colaborámos com diversos programas de férias, dinamizando oficinas educativas para grupos de crianças e jovens por solicitação de entidades externas:

Oficina de construção de Maios – 5 de Março. Com jovens do Centro de Acolhimento Temporário – Associação Uma Porta Amiga

Visita à exposição “Profissões antigas de Cacela” + teatro de sombras com Mouras encantadas – 20 de Julho. Com crianças do Jardim de Infância “A Cegonha” de Monte Gordo

Peddypaper “À descoberta de Cacela Velha” – 25 de Julho. Com crianças do ATL da Santa Casa da Misericórdia e do Centro de Acolhimento de Castro Marim

Oficina de Arqueologia – 21 de Agosto. Com crianças e jovens da Associação Porta Amiga de Tavira

Oficina “Objecto-mistério” a partir de profissões antigas – 6 de Setembro. Com crianças e jovens da Associação Porta Amiga de Tavira

Visita acompanhadas à exposição “Profissões antigas de Cacela” – 13 Julho. Com alunos do Colégio da Oficina da Criança de Faro

No Verão voltámos a integrar o Programa Ciência Viva no Verão, a convite do Centro de Ciência Viva de Tavira, com a visita-jogo a sítio arqueológico: “Desenterrar o passado. Fazer falar pedras, ossos e cacos no túmulo megalítico de Santa Rita” no dia 30 de Agosto.

Voltámos a receber este ano no CIIPC 11 artistas de uma residência artística internacional em Tavira “Ellipsis” com organização de momento orientado para a partilha de saberes e técnicas tradicionais – Oficina de Pão Artesanal, orientada por Luísa Teixeira – no dia 10 de Setembro.

Ao longo do ano recebemos a visita regular de utentes da Asmal, lares e associações de reformados com quem dinamizámos diversas visitas/oficinas:

 Com os utentes da ASMAL – Associação de Saúde Mental do Algarve

Visita à exposição “Pãotrimónio” + oficina de pintura de ovos de Páscoa, 27 de Março.

Visita à exposição “Profissões Antigas de Cacela” + Oficina “Objecto-mistério” a partir de profissões antigas, 19 de Junho.

Visita à exposição “Profissões Antigas de Cacela” + partilha de contos no âmbito de oficina de escrita criativa da ASMAL, 25 de Setembro.

Criação de bonecos de neve a partir de meias, 6 de Dezembro.

Com lares com concelho e região

Oficina de Maios com utentes do Lar da Manta Rota – 19 Abril.

Visita acompanhadas à exposição “Profissões antigas de Cacela” com:

. Utentes do Lar de Idosos da Santa Casa da Misericórdia de VRSA, 24 Maio

. Utentes do Lar da Manta Rota, 29 Maio

. Utentes do Centro de Convívio de Parises (São Brás de Alportel), 18 Junho

. Utentes da Associação de Reformados, Pensionistas e Idosos do Concelho de Faro, 19 Julho

4. PROGRAMAÇÃO CULTURAL EM CACELA

Este ano procurou-se, dentro dos limites financeiros existentes, dar continuidade a uma programação cultural em Cacela, alicerçada nas nossas heranças culturais, História e património.

MAIOS NA ALDEIA DE SANTA RITA

Em Santa Rita, em estreita colaboração com os habitantes da aldeia, voltámos a reviver esta antiga tradição festiva, tão característica na região, nos dias 1 e 2 de Maio. Os Maios que saíram à rua recriaram quadras do cancioneiro popular e foram elaborados pelas muitas pessoas, de todas as idades, que se envolveram na iniciativa: população local, EB2,3 de Vila Nova de Cacela, utentes da Asmal, Centros de acolhimento, Casas do Avô de Monte Gordo e Vila Real de Santo António e público em geral no âmbito de Oficina de Páscoa organizada no CIIPC. Aconteceram ainda no âmbito da iniciativa: Percurso fotográfico e feirinha tradicional.

Realizou-se a 6ª edição das NOITES D’ENCANTO (em estreita colaboração com a Ibérica e a ADRIP), de 13 a 15 de Julho. Ao longo de 3 dias, as ruas de Cacela Velha encheram-se de música, gastronomia, mercado, animação e muitas pessoas. Espaço sobre jogos islâmicos (numa colaboração com a CM Alcoutim), exposição “Instrumentos de Música Árabe”, declamação de poesia luso-árabe acompanhada por alaúde e contos do Mediterrâneo, reforçaram a dimensão cultural da iniciativa.

Numa organização conjunta do Município de Vila Real de Santo António e da CLÁSSICA EM CACELA, realizou-se um recital de violoncelo por Isabel Vaz, na Igreja Matriz de Cacela Velha, no dia 16 de Agosto com mais de uma centena de presenças.

Continuaram os animados e participados Mercadinhos na Primavera, Verão, Outono e Natal em Cacela Velha (em colaboração com a ADRIP), a 8 de Abril, 30 Junho, 4 Novembro e 9 Dezembro. Artesanato tradicional, novas criações, produtos locais, velharias, animação de rua e música foram assinalando o passar das estações nas ruas de Cacela Velha. Foi feito um esforço acrescido na componente de animação cultural durante os mercadinhos com música ao vivo, bio dança; e no desenvolvimento de uma área de comidas e petiscos.

Destaque para a participação na campanha de angariação de vestidos para meninas de países mais carenciados lançada pela ONG “Dress a Girld Around the World”. Os vestidos doados (cerca de 25) foram expostos, durante o dia do Mercadinho da Primavera, num estendal no centro de Cacela Velha. Foram entretanto enviados para a ONG, e em breve chegarão ao seu destino final.

No Mercadinho de Natal e até ao dia de Reis, esteve em Cacela a Árvore de Natal com bolas de trapo, criadas com a colaboração das Casas do Avô de Monte Gordo e Vila Real de Santo António e população de Santa Rita.

Colaborámos ainda com o Banco de Voluntariado de VRSA na organização da 14ª e 15ª edições do Mercado das Trocas – Troca de “Coisas & Saberes” em Cacela Velha, nos dias 27 Maio e 16 de Setembro. Um Mercado alternativo que pretende sensibilizar e envolver a comunidade na troca bens, serviços e saberes de forma directa, sem dinheiro.

5. EDIÇÕES

Continuou a edição do “Tomilho”, o boletim do CIIPC com edição bimensal, no qual se dá conhecimento das nossas actividades, mas onde se dá também voz à população publicando fotografias antigas e registando memórias, saberes-fazeres, tradições festivas, receitas e objectos. Um instrumento valioso que vem garantindo um envolvimento da população local no trabalho que desenvolvemos.

Foi apresentado e entregue às crianças envolvidas o livro “De Boca a Orelha. 365 Tesouros do Património Oral das 4 Cidades”“, na Biblioteca Municipal de Vila Real de Santo António no dia 15 de Junho. Foi grande o entusiasmo com que folhearam a obra que ajudaram a construir recolhendo contos, lendas, adivinhas, provérbios, lenga-lengas e trava-línguas, ouvidos num contar de boca a orelha. Muito apreciado também o belíssimo trabalho da designer gráfica Alexandra Santos e ilustrações de Barbara Pintar.
O livro, cuja edição foi coordenada pelo CIIPC, assinala o culminar da acção educativa “DE BOCA A ORELHA” dinamizada entre 2014 e 2017 no âmbito do projecto “À Descoberta das 4 cidades”. Concebido a partir da pesquisa desenvolvida nas escolas (8 turmas do 1º ciclo dos Municípios de Vila Real de Santo António, Montemor-o-Novo, Marinha Grande e Fundão), pretende devolver à comunidade todo o percurso e recolhas realizadas nas 4 cidades. Os 365 contos, lendas, provérbios, adivinhas, lengalengas e trava-línguas que apresentamos neste livro, e que podem ser lidos à medida que percorremos o calendário ao longo do ano, foram recolhidos, pelas crianças e professores, ainda numa cadeia de transmissão oral de avós para netos, de pais para filhos, de graúdos para miúdos. O livro propõe uma viagem no espaço pelas 4 regiões do país onde as recolhas foram feitas, mas também no tempo, percorrendo os 365 dias de um ano e mergulhando num tempo muito antigo em que este contar de boca a orelha preenchia os dias de velhos e novos, unindo gerações.

 

6. PARTICIPAÇÃO EM ENCONTROS, JORNADAS

. Apresentação de comunicação intitulada “TERRITÓRIO, PESSOAS E PATRIMÓNIO. Experiências educativas a partir do Centro de Investigação e Informação do Património de Cacela”, a convite da Associação Vicentina, nas Jornadas Técnicas “Semana Cultural – Lugares de Globalização” no painel sobre o serviço educativo aliado aos equipamentos culturais e património, Monchique, 21 de Março.

. Apresentação da comunicação “Acções educativas na área do património cultural no âmbito do projecto À descoberta das 4 cidades”, no Encontro Regional de Educação Permanente SABERES EM FESTA 2018, em Lagoa, no dia 9 de Novembro, promovido pelo Município de Lagoa, a Associação Portuguesa para a Cultura e Educação Permanente (APCEP), a Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares e a Universidade do Algarve (UALg).

. Apresentação de poster ESTRATÉGIAS PARA UMA APROXIMAÇÃO À COMUNIDADE LOCAL. Experiências do CIIP Cacela na aldeia de Santa Rita (Concelho de Vila Real de Santo António), nas IIªs Jornadas da RMA – Rede de Museus do Algarve, com o tema “MUSEUS PARA QUEM?”, Olhão, 16 de Novembro, de 2018.

. Participação em encontro sobre SUSTENTABILIDADE DAS ARTES TRADICIONAIS com a apresentação: “Contributos para o conhecimento da história dos entrelaçados com matérias vegetais e relação com o território + Experiências do CIIP Cacela no conhecimento, valorização e sustentabilidade das artes tradicionais”, a convite do PROJECTO TASA_Artesãos do Séc. XXI, Tavira, 19 Novembro.

7. TRABALHO EM REDE

O CIIPC/CMVRSA, enquanto núcleo estruturante de um futuro Museu Municipal de Vila Real de Santo António, integra desde 2008 a Rede de Museus do Algarve, continuando a participar activamente nas reuniões gerais e na dinâmica dos grupos de trabalho entretanto constituídos (Arqueologia, Património Cultural Imaterial, Educação).

Alguns destaques:

Organização e participação na Apresentação Pública da Página Algarve Imaterial (https://algarveimaterial.wordpress.com/) que resulta do trabalho do grupo RMA-PCI com vista ao mapeamento das manifestações de Património Imaterial mais relevantes nos vários concelhos – 2 de Março no Museu do Traje de São Brás de Alportel

Colaboração na organização das 2ªs Jornadas da RMA, com o tema “MUSEUS PARA QUEM?”, que tiveram lugar em Olhão no dia 17 de Novembro.

Elaboração do diagnóstico dos serviços educativos da Rede de Museus do Algarve, realizado anualmente pelo grupo de Educação da RMA, em estreita colaboração com as entidades que fazem parte da Rede.

8. OUTROS MOMENTOS

A população de Santa Rita celebrou connosco alguns importantes momentos festivos como os Maios no dia 1 de Maio e o Magusto com castanhas, vinho novo e bolos no dia 12 de Novembro.

 Esteve aberto ao público o Centro de Informação da Casa do Pároco (aberto diariamente de 3ªf a Sábado), estrutura fundamental no acolhimento, atendimento e prestação de informação turística, cultural e patrimonial aos visitantes e na organização da programação em Cacela Velha.

 

Mercadinho de Natal

 

Cacela Velha prepara-se para receber, no próximo dia 9 de Dezembro (Domingo), mais um Mercadinho de Natal. Velharias e artigos em segunda mão (discos, cd´s, livros, roupa, brinquedos, quadros,…); artesanato tradicional (empreita, cestaria, latoaria, cerâmica, trapologia…) e novas criações; produtos alimentares da região como o mel, pão, bolos, compotas, licores; flores; cremes e sabonetes naturais; brinquedos artesanais; livros e música marcam mais este Mercadinho. Ideal para encontrar presentes de Natal diferentes, produzidos artesanalmente na região.

PROGRAMA

Quem visitar a vila histórica de Cacela Velha poderá encontrar ao longo do dia música selecionada por Dj Yacobian.

Na nossa área de petiscos vai poder degustar: comida vegetariana, comida portuguesa, crepes salgados e doces e doçaria….

Organização

CMVRSA/ CIIPC – Centro de Investigação e Informação do Património de Cacela

Contactos: 281 952 600

ciipcacela@gmail.com

https://ciipcacela.wordpress.com/

ADRIP – Associação de Defesa, Reabilitação, Investigação e Promoção do Património Natural e Cultural de Cacela

adrip.cacela@gmail.com

www.adripcacela.blogspot.com

 

Continuar a ler

OFICINA DE NATAL “CADERNOS ALMARIADOS”

Oficina - Cadernos Almariados_net

O CIIP Cacela / CMVRSA volta a propor uma oficina de Natal onde miúdos e graúdos podem criar presentes diferentes para oferecer na quadra natalícia.

Nesta oficina criativa o principal objetivo é levar o participante a explorar e ampliar o seu entendimento do que poderá ser um caderno/ livro. Trata-se de uma oficina prática onde nos debruçaremos sobre várias partes constituintes deste objeto: capa, miolo e conteúdos. Daremos prioridade aos materiais reciclados que temos lá por casa e exploraremos algumas das técnicas da impressão utilizadas nas áreas do desenho e ilustração.

Não haverá regras e tudo será experimental para levar a bom porto a criação destes cadernos “almariados”.

A oficina será orientada por Elias Gato, 29 anos, natural de Castro Marim. É formado em Pintura pela Faculdade de Belas-Artes de Lisboa e em Ensino de Artes Visuais pelo Instituto de Educação. Profissionalmente tem vindo a trabalhar como professor contratado e ilustrador. É formador na Estação da Artes, onde tem o seu atelier, e onde realiza os seus trabalhos de ilustrador, editor e impressor.

Inscrições

Centro de Investigação e Informação do Património de Cacela

Antiga Escola Primária de Santa Rita

Tel. 281 952600 | ciipcacela@gmail.com | https://ciipcacela.wordpress.com

Sujeito a inscrição prévia

Valor – 7 € – pessoa (a reverter directamente para o orientador)

 

MERCADINHO DE NATAL EM CACELA VELHA

Poster - Mercadinho Natal 2018 web.jpg

Inscrições abertas até dia 28 de Novembro

Cacela Velha prepara-se para receber, no próximo dia 9 de Dezembro (Domingo), mais um Mercadinho de Natal. Velharias e artigos em segunda mão (discos, cd´s, livros, roupa, brinquedos, quadros,…); artesanato tradicional (empreita, cestaria, latoaria, cerâmica, trapologia…) e novas criações; produtos alimentares da região como o mel, pão, bolos, compotas, licores; flores; cremes e sabonetes naturais; brinquedos artesanais; livros e música marcam mais este Mercadinho.

Se estiver interessado em participar descarregue e preencha a respectiva ficha de inscrição – artesanato, produtos alimentares, petiscos, ou velharias e 2ª mão – disponível em https://ciipcacela.wordpress.com/ e reencaminhe-a até ao dia 28 de Novembro para os emails abaixo indicados. Fichas de inscrição para venda de artesanato e produtos alimentares devem vir acompanhadas de fotografias dos produtos, que serão apreciadas no processo de selecção.

Consulte o documento com as regras de participação nos Mercadinhos de Cacela.

Participe e divulgue!

Organização

CMVRSA/ CIIPC – Centro de Investigação e Informação do Património de Cacela

Contactos: 281 952 600

ciipcacela@gmail.com

https://ciipcacela.wordpress.com/

ADRIP – Associação de Defesa, Reabilitação, Investigação e Promoção do Património Natural e Cultural de Cacela

adrip.cacela@gmail.com

www.adripcacela.blogspot.com

Fichas de inscrição e regras de participação

Ficha de inscrição_Artesanato_Natal

Ficha de inscrição_Petiscos_Natal_2018

Ficha de inscrição_Prod_alimentaresNatal

Ficha de inscrição_Velharias_Natal 2018

Regras Mercadinhos Cacela_Setembro2015

OFICINA – AZEITEIRAS: BISCOITOS DE CONSERVAÇÃO

Oficina - Azeiteiras Biscoitos de Conservacao_net.jpg

A cozinha popular é um documento vivo que acompanha e relata o modo de vida das comunidades. Os ingredientes usados, a época de confecção e a própria apresentação podem ser pistas para o desenho da paisagem de determinada geografia, humanizada numa cadeia de princípios, simbolizada em produtos finais onde o trabalho, a festa e outros ritos são descritos de maneira saborosa.

O azeite, presença basilar no quotidiano da região, assiste, resistente, ao aparecimento e desaparecimento de outros produtos, costumes e modas – sendo a base desta fornada de conversa e de biscoitos que cada um há-de enriquecer como lhe convier.

Luísa Teixeira

Formou-se na cozinha da avó Arminda, um espaço integrado numa casa de campo e equipado de maneira tradicional, tendo vindo a praticar uma cozinha de continuidade desde a infância, participando e experimentando, copiando e reinventando à medida dos recursos do seu tempo. É produtora de uma pequena série de conservas de ingredientes locais e sazonais.

Inscrições

Centro de Investigação e Informação do Património de Cacela

Antiga Escola Primária de Santa Rita

Tel. 281 952600 | ciipcacela@gmail.com | https://ciipcacela.wordpress.com

Sujeito a inscrição prévia

Valor – 6 € – pessoa; 10 € – adulto + criança (a pagar directamente à orientadora da actividade)

MERCADINHO DE OUTONO EM CACELA VELHA

Mercadinho Outono_4 Novembro

MERCADINHO DE OUTONO
CACELA VELHA
Domingo, 4 de Novembro, das 10h30 às 17h00

Cacela Velha recebe, no próximo dia 4 de Novembro (Domingo), o Mercadinho de Outono. Artesanato tradicional (empreita, cestaria, latoaria, cerâmica, trapologia…) e novas criações; produtos alimentares da região como o mel, pão, bolos, compotas, licores; flores; cremes e sabonetes naturais; brinquedos artesanais; livros; velharias e artigos em segunda mão (discos, cd´s, livros, roupa, brinquedos, quadros,…) voltarão a marcar este Mercadinho.

PROGRAMA

Quem visitar a vila histórica de Cacela Velha poderá encontrar ao longo do dia:

  • Música selecionada por Dj Yacobian
  • Violinista Roy Nicholls interpretando peças de autores clássicos

Na nossa área de petiscos vai poder degustar: comida vegetariana, crepes salgados e doces, Sumos de fruto, doçaria….

Apareça e participe no concurso “A bancada mais bem decorada”, atribuindo um voto à sua bancada preferida! O tema deste ano é o OUTONO.

Organização

CMVRSA/ CIIPC – Centro de Investigação e Informação do Património de Cacela
Contactos: 281 952 600
ciipcacela@gmail.com
https://ciipcacela.wordpress.com/

ADRIP – Associação de Defesa, Reabilitação, Investigação e Promoção do Património Natural e Cultural de Cacela
adrip.cacela@gmail.com
www.adripcacela.blogspot.com